Conheça a primeira usina eólica norte-americana instalada no mar A energia armazenada será capaz de alimentar a ilhade Rodes, menor Estado do país

Na segunda-feira, 12 de dezembro, a Ilha de Rodes ganhou a primeira estação de energia eólica nos mares dos Estados Unidos. A brisa do oceano agora é capaz de gerar energia limpa e renovável para alimentar a Block Island, destino turístico ambiental.

Desenvolvida pela empresa Deepwater Wind, a usina que  custou 300 milhões de dólares é uma nova alternativa para que o país possa depender menos de combustíveis fósseis. O parque eólico tem cinco turbinas e pode alimentar 17 mil casas, ou 90% das necessidades da Ilha.

O fato de o parque aproveitar os ventos do oceano é visto como positivo, já que esses ventos são mais fortes e estáveis do que os da terra. No início do ano, o Governo Obama cotou a construção de outros parques “offshore” na costa da Long Island e nos Grandes Lagos, com a expectativa de gerar o dobro da eletricidade que o país usa atualmente.

Os parques eólicos em alto mar são muito frequentes na Europa. Curiosamente, o presidente eleito Donald Trump se opôs à construção de um desses parques na Escócia. Imagina-se que pela obstrução da vista do seu campo de golfe.

Donald Trump parece se opor aos parques de energia eólica, dado que em entrevista ao he New York Times já disse que “o vento é uma coisa muito enganadora“, e é acusado de exagerar os efeitos das turbinas eólicas para com as aves.

Mais informações em: http://www.nytimes.com/2016/12/14/science/wind-power-block-island.html?_r=0

Deixe uma resposta