Conheça o DeLorean autônomo que faz drift

Várias empresas e centros de pesquisa estão desenvolvendo veículos autônomos. Até o Google está desenvolvendo o seu próprio veículo autônomo. Mas os engenheiros da Universidade de Stanford levaram isso à um outro nível: nada de um veículo moderno que anda apenas nas ruas do subúrbio da maneira mais educada possível. Eles pegaram um DeLorean – aquele mesmo, do filme “De Volta Para o Futuro” – e o equiparam para fazer drift de forma autônoma.

Até o nome do carro faz referência ao filme: ele se chama MARTY (sigla para Multiple Actuator Research Test bed for Yaw control). Mas porquê ele faz drifting? O professor de engenharia mecânica Chris Gerdes explica: “Nós achamos que veículos autônomos devem ser capazes de realizar qualquer manobra dentro dos limites físicos do veículo para sair de alguma situação de risco”

Claro que a escolha do carro tem a ver com sua consolidação como ícone futurista. “É um carro que diz ‘projeto de ciência'” diz Gerdes. Mas, como o DeLorean não foi construído para isso, a equipe teve que fazer diversas modificações, já que o DeLorean não oferecia estabilidade nas curvas, na aceleração e na frenagem. Ainda tiveram que adicionar um sistema de direção assistida, molas helicoidais e motores elétricos independentes em cada uma das rodas.

Ao contrário de outros veículos autônomos, MARTY não foi equipado com câmeras 3D e LIDAR, mas sim com sensores inerciais para detecção dos movimentos e um sistema de GPS para monitorar sua posição.

Veja os impressionantes resultados no vídeo abaixo:


Com informações de Wired

Douglas Moura

Fundador do Engenharia Livre, engenheiro civil e programador. Procuro sempre compartilhar as melhores informações do mundo da Engenharia.
Deixe um comentário em Conheça o DeLorean autônomo que faz drift