Geradores para eventos: economia e prevenção de problemas Saiba por que alugar geradores de energia para grandes eventos continua sendo uma das melhores alternativas para economizar e evitar surpresas desagradáveis

Não são todos os lugares que estão preparados para receberem eventos. Quando falamos de aglomerações que ocorrem ao ar livre, como shows musicais ou festivais, por exemplo, é essencial que a infraestrutura da região seja conferida com antecedência.

E já avisamos: não é sempre que o local suporta receber o público que você espera. Para não ficar na mão e não decepcionar os seus consumidores, a solução é recorrer aos geradores de energia. Hoje, podemos dizer que eles são peça-chave no planejamento de qualquer evento.

Vamos falar aqui da economia que estes equipamentos são capazes de proporcionar e por quais razões eles não podem faltar no orçamento do seu evento. À primeira vista, pode parecer algo simples e até mesmo dispensável, mas já parou para pensar no quanto você perderia por ficar alguns minutos sem energia?

Todo evento de médio e grande porte merece um gerador em stand by

São muitos os tipos de eventos que podem ser beneficiados com a locação de um gerador. Entre eles podemos citar casamentos, shows, feiras de rua e até mesmo jogos de futebol. Em caso de interrupção no fornecimento de energia, o gerador entra em ação e garante a continuidade das atividades.

Porém, embora muitos até saibam que podem precisar de um gerador, não é raro vermos organizadores deixando essa opção de lado visando apenas cortar custos. É um engano pensar assim. Ao contrário, um bom gerador pode representar uma economia significativa.

A escolha do gerador de energia perfeito

Para evitar qualquer tipo de desperdício, é importante escolher o gerador sob medida para atender às suas necessidades. Nesse caso, basta conversar com os especialistas de empresas conceituadas e expor exatamente o seu problema.

As companhias com mais experiência de mercado têm à disposição dos clientes uma equipe especializada para identificar qual tipo de gerador melhor se adequa àquela finalidade.

Alguns itens são essenciais para serem considerados na hora da escolha: a potência do equipamento, o tamanho do gerador e o espaço no qual ele será instalado. Por isso, listamos conselhos que você deve levar em consideração na hora de escolher o seu gerador.

Potência: antecipando a energia consumida

Muitas pessoas ainda acreditam que a escolha de um gerador deve ter alguma relação com a quantidade de pessoas que estará no evento. Esse pensamento é equivocado. O que deve ser observado é qual o consumo estimado no local.

É por essa razão que fatores como o tipo de equipamento de som a ser utilizado ou detalhes como a iluminação do local fazem mais diferença do que a quantidade de público em si. Sabendo qual será o uso, é possível indicar com mais clareza um gerador de energia para o evento em questão.

Se você terá bandas ou equipes de iluminação no seu evento, se informe com eles com relação à potência necessária – eles geralmente têm essa informação. Baseado nisso, tenha em mente que os geradores para eventos têm entre 370 e 500 KVA de energia.

Espaço: o tamanho do ambiente deve ser levado em consideração

Existem algumas questões de segurança que devem ser observadas na instalação e na manutenção de um gerador e uma delas diz respeito ao espaço. Quanto maior for o gerador, mais espaço ele vai precisar. Por isso, é preciso verificar se existe um local adequado para a sua instalação.

Aliás, essa é também uma das razões pela qual optar pela locação de um gerador de energia se torna algo mais econômico. Nessas circunstâncias, toda a responsabilidade técnica de manutenção e instalação é responsabilidade da empresa que aluga o equipamento.

Se o gerador for ficar exposto aos participantes do evento, é importante que ele tenha uma boa aparência e se mostre conservado, sem sinais de desgaste ou ferrugem. Afinal, você não vai querer arruinar a sua imagem apresentando um gerador de energia a diesel, por exemplo, em más condições.


Por fim, é preciso pensar ainda na questão do barulho. Se a manutenção do gerador estiver em dia, os níveis de ruído estarão dentro de uma frequência aceitável e não vão comprometer o funcionamento do evento de nenhuma forma.

Pense nas possibilidades de uso

Há empresas que solicitam a locação de um gerador apenas para deixá-lo como uma peça sobressalente caso a energia elétrica falte. Porém, há outras companhias que locam o equipamento pensando em utilizá-lo o tempo todo.

Independentemente da sua escolha, é essencial informar isso à empresa na hora de solicitar um orçamento. Empresas especializadas como A Geradora mantém em sua equipe especialistas que podem avaliar pessoalmente as condições do local de instalação.

Por exemplo, fatores como temperatura e altitude bem como se ele estará o tempo todo em um ambiente fechado ou aberto são determinantes para que seja possível escolher o modelo mais adequado. De posse dessas informações, a equipe de instalação providenciará os equipamentos necessários.

Por fim, observe também qual será o período de uso do equipamento. Para prazos curtos ou mesmo períodos intermitentes, a locação é sempre a melhor escolha.

No caso de uso em longo prazo, é preciso mensurar os custos com a aquisição e a manutenção do gerador. Em muitas situações, ainda assim é mais econômico locar um gerador do que adquirir um maquinário próprio.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.